Archive for julho, 2013

Capitulo 103 – O dia em que o Saara encontrou com os Alpes

julho 29th, 2013 | admin

Como um filme de ação americano, Andrea e eu arrumamos as malas rapidamente na sexta feira a tarde para iniciar nossa fuga.  Saímos correndo de Torino antes da chegada do Caronte.

Para quem não sabe, Caronte, na mitologia grega, é o barqueiro que transporta as almas dos recém-mortos pelo rio que flui entre os dois mundos, o dos vivos e dos mortos. É também o nome da nova frente quente que chega na península procedente do coração do Saara e promete fazer estragos, não como a geleira que atingiu os Estado Unidos no filme The Day After Tomorrow, mas na pele dos italianos, de norte a sul, que deverão conviver com temperaturas acima de 30° graus pelos próximos dias, ou semanas.

Aqui, como a gente intui, até os meteorologistas discordam na interpretação das imagens dos satélites, cada um diz uma coisa. Enquanto eles discutem se o ápice do calor chega no sábado ou na próxima quarta feira, confirmo as informações no weather.com e  arrumo as malas para subir as montanhas (impossível não pensar na Noviça Rebelde … ahahahah) e me esconder do Caronte nos Alpes. (mais…)

Capitulo 102 – Dialogos Italianos

julho 29th, 2013 | admin

Andrea vai ao órgão publico, equivalente a Policia Federal, fazer a autorização de viagem para as meninas irem para a Espanha com o tio.

O escrivão pede o documento de identidade de ambas. Observa atentamente frente e verso e pergunta:

- Mas aqui não tem a filiação delas?

Andrea responde:

- Porque não existe este campo no documento!

- Mas porque você não pediu para incluírem?

- Oi?

Estou procurando um cabelereiro para cortar meu cabelo. Entro em um , que esta vazio, e digo:

- Quero cortar meu cabelo.

A senhorita que atende me diz:

- Corte e escova € 35,00

- Quero só cortar…

- ahh .. não da … Só corte com escova.

- Mas aqui na sua tabela tem: corte  € 20,00

- Tem mais a gente não faz ..

- Oi?

Francesca precisa fazer novo passaporte. Vai ao Correio porque aqui na Itália é no Correio que vc preenche o formulário e paga a taxa de € 80,00. Formulário entregue e pago, a atendente informa:

- Agora você precisa pagar o selo (€ 40,00) para oficializar o pedido.

- Hummm .. ok, aqui esta o dinheiro.

- Não, o selo você não compra aqui…

- Como assim?

- O selo se compra em uma loja de conveniência.

- Oi?

A nonna vai almoçar fora. São três adultos e três meninas. Entram em um restaurante que tem uma mesa media vazia com seis cadeiras e uma pequena  já arrumada para quatro pessoas com quatro cadeiras . A garçonete indica a mesa pequena. A nonna pergunta:

- Não podemos ficar na mesa maior ?

A garçonete responde:

- Vou perguntar para minha tia.

E volta:

- Não, a tia disse que é para sentar na mesa pequena,  que é para seis pessoas….

- Oi?

Saio na hora do almoço para passar no super mercado Carrefour, aqui na praça. Fechado para almoço.

Na rua ao lado vejo um mercadinho indiano aberto. Não fecha para almoço e trabalha também aos domingos.

Saio na hora do almoço para comprar uma camiseta. Todas as lojas estão fechadas. Encontro uma lojinha chinesa na esquina. Esta aberta. Não fecha no almoço e nem aos domingos.

Saio as 14h30, um pouco mais tarde do que o normal, para almoçar e os restaurantes já estão fechados. Encontro um Kebab egípcio aberto.

Fico me perguntando: a crise é a causa ou a consequência deste modelo?

Capitulo 101 – Paris

julho 13th, 2013 | admin

O grande desafio deste capitulo do Diário é falar de Paris e contar algo novo.

Uma cidade que já foi cantada em verso e prosa, fotografada, filmada e narrada, não reserva muitas surpresas  … Então, o que registrar do meu final de semana na capital francesa com Andrea e as meninas  sem parecer o guia Lonely Planet ?

Pensei em uma abordagem nova (para mim) e ao invés de passear pelas letras, onde me movo com mais conforto, vou arriscar falar de alguns números. A tarefa não é difícil se começo pelo Museu do Louvre, o grande motivo dessa viagem. (mais…)

Capitulo 100 – Sao Paulo

julho 13th, 2013 | admin

Chego hoje ao capitulo 100 do meu diário.

Como é um numero especial e redondo, havia pensado em dedica-lo à minha filha e ao meu neto, que estão aqui ao meu lado, falando do prazer, da alegria e da realização que é tê-los por perto. Contar como é bom poder acompanhar o crescimento desse bebe que me transmite uma sensação  de continuidade e quase imortalidade. Além do que ele é lindo e a Fe uma mãe delicada, tranquila, apaixonada por seu bebe e de bem com a vida. Tem coisa melhor?

Mas não consigo desenvolver esse discurso pessoal  de felicidade lendo o que se escreve na facebook e nos sites brasileiros, onde me informo sobre o cotidiano tupiniquim, a respeito dos protestos que começaram em São Paulo se espalham em outras cidades como faísca em palha seca. (mais…)

Capitulo 99 – Noruega

julho 13th, 2013 | admin

Noruega, a mais desconhecida das monarquias nórdicas, e como sempre, cheia de surpresas. Começo pelo nome da capital: Oslo. Segundo algumas possíveis interpretações e traduções das línguas ancestrais, quer dizer “planície ao pé da colina”, ou seja : Piemonte !!!  Uauuu …. encontrei a minha primeira ligação com essa terra.

Se a Suécia e a Dinamarca eram caras, o que dizer da Noruega? Bem mais cara. O povo daqui vai fazer supermercado na Inglaterra, que parece uma pechincha ….. E tudo proibitivo mas passei dois dias comendo salmão norueguês, a comida mais barata que tem por aqui, custa a metade de um hambúrguer normalzinho.  Depois de algumas horas o melhor é parar de fazer contas porque senão da um certo desespero, então vai passando o cartão, porque pagar em dinheiro é mais complicado, e relaxa. (mais…)